A TODOS OS NOSSOS VISITANTES:

SEJAM BEM-VINDOS AO AMIGOS DA FILOSOFIA!

"A filosofia não é senão este esforço da razão, toda entregue à procura da verdade, e por isso humildemente submissa ao real".

terça-feira, 15 de abril de 2008

Filosofia

MÉTODO DA FILOSOFIA

1. O método depende do objeto formal.- Chamamos "método" o conjunto de processos a empregar para chegar ao conhecimento ou à demostração da verdade. O método de uma ciência de uma depende do objeto mesmo dessa ciência. Não se emprega, no estudo dos seres vivos, os mesmos processos que no estudo dos seres inorgânicos, e a química procede diversamente da física. Desta forma, é d definição e do objeto da filosofia que nós devemos deduzir o método que lhe convém.
2. O método é a um tempo experimental e racional.- Nós definimos a Filosofia como a ciência das coisas por suas causas supremas. Daí se segue que:
a) A filosofia parte da experiência. se a Filosofia é de início "ciência das coisas", a saber, do homem, do mundo e de Deus, devemos começar por conhecer as coisas que queremos explicar; isto é, nosso ponto de partida será normalmente tomado na experiência. É de fato pelas propriedades das coisas que nós podemos conhecer sua natureza, e, essas propriedades, é a experiência - Vulgar ou científica - que nos faz descobrí-las. É também pelos efeitos do poder divino que podemos elevar-nos até à Causa primeira do Universo, seja para afirmar a sua existência necessária, seja para determinar-lhe a natureza e os atributos, e estes efeios são ainda um objeto de experiência. Assim, o método filosófico será primeiramente experimental, no sentido de que o ponto de partida da Filosofia é tomado na experiência.
b)A Filosofia visa, pela razão, ao que está além da experiência. Mas como a Filosofia é, por seus fins, essencialmente metafísica, isto é, quer ir além da experiência sensível e chegar até às causas primeiras, deverá fazer apelo à razão, porque, estas causas primeiras, o homem não as vê e não as toca com os seus sentidos, e não as pode então atingir a não ser por uma faculdade superior aos sentidos. Eis por que o método filosófico é também um método racional.
3. A Filosofia usa apenas a razão natural. - De outro lado, se a Filosofia se serve da razão, é unicamente da razão natural. Nisto distingue absolutamente da Teologia, que se apóia, como sobre seus primeiros princípios, nas verdades reveladas, enquanto a Filosofia apela unicamente às luzes da razão. Seu critério de verdade não é, como em teologia, a autoridade de Deus revelador, mas a evidência de seu objeto.

Um comentário:

Smartphone disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Smartphone, I hope you enjoy. The address is http://smartphone-brasil.blogspot.com. A hug.